Noticias

Mirandinha X Lago de Balbina: A união que deu certo!

Feitos um para o outro, assim podemos falar de uma relação que se aproxima dos seus 20 anos. Como em toda relação, nessa também aconteceram crises em que a união quase se desfez, mas o tempo foi o senhor da razão e o período de crises foi superado, selando e fortalecendo a união a ponto de podermos dizer que um não vive sem o outro.
João Francisco Marques Lobato, 52 anos, nascido em Penalva na baixada maranhense, uma cidade paupérrima que obriga seus habitantes  a migrarem para outros lugares, em busca de um futuro melhor. E foi assim que esse imigrante chegou ao Amazonas em 1992 buscando um  trabalho digno e um futuro melhor.

  
  

A escolha do lugar para se estabelecer não poderia ter sido melhor, a Vila de Balbina localizada no município de Presidente Figueiredo, local da construção da Hidrelétrica de Balbina e um dos lugares mais procurados para a prática da pesca esportiva, em razão de seus 2.360KM² de área alagada e da abundância de tucunarés.

  
  

Em 1996 se deu início o enlace que perdura até os dias  às margens do lago de Balbinade hoje. Mirandinha, como popularmente é conhecido João Francisco, iniciou seu trabalho no já mundialmente conhecido Restaurante do Mirandinha. Como todo novo desafio, esse maranhense trabalhador teve que vencer a resistência para conseguir o respeito e a confiança dos políticos e dirigentes da época e assim ter o seu trabalho reconhecido principalmente pela direção da Amazonas Energia, administradora da Vila de Balbina e que vè em Mirandinha um profissional competente e dedicado na condução de seu restaurante.

  
  
Diversas personalidades nacionais e internacionais já visitaram o local que é simples, mas encantador pela visão da imensidão do lago, como também encanta a todos, o paladar do recinto que mantém um cardápio variado com galinha caipira, carne de sol, assado de panela,frango assado,jaraqui, tambaqui mas tem no filé de tucunaré seu carro chefe. O preço da casa e um só, tanto para um turista estrangeiro, como um simples morador da localidade, todos pagam 10 reais por uma refeição. 

  
  

O empresário preocupado com o futuro e visando oferecer mais qualidade a seus clientes, está investindo na criação de peixes em gaiolas das espécies tambaqui e matrinxã. Muito em breve, estes peixes poderão ser saboreados oriundos de sua própria criação e a grande novidade será um pesque e pague dentro dos padrões exigidos com impacto ambiental zero, que certamente será uma excelente opção de lazer aos frequentadores.

  
  

É comum na casa, a visita de grupos, principalmente grupos de estudantes e turistas que visitam a Vila de Balbina, ou mesmo aniversariantes que escolhem o lugar para seus festejos. Para tanto, Mirandinha mantém seu número de celular 24 horas à disposição de seus clientes, para qualquer tipo de reserva (92 98801-4960).
Mirandinha é categórico ao afirmar: "Quem vier a Balbina e não vier ao Restaurante do Mirandinha, não veio a Balbina!". Pelo visto, essa união virou caso de amor.
Mirandinha X Lago de Balbina: A união que deu certo! Mirandinha X Lago de Balbina: A união que deu certo! Reviewed by Portal do Urubui on 06:43 Rating: 5